Posted by: felipewolf | Opinião, Pensamentos, Sem categoria Nenhum comentário em Pensamentos e Opiniões – nos ultimos tempos, tipo, anos

Pensamentos e Opiniões – nos ultimos tempos, tipo, anos

Eu não sei se deveria estar fazendo isso mas, faz algum tempo que eu gostaria muito de por varios pensamentos e opiniões para fora, sobre tudo em geral.

Primeiro de tudo, sinto a sua falta

Sabe… A primeira coisa que muito me martela na cabeça, é como eu sinto a sua falta. Entendo perfeitamente que… tem coisas que não podemos evitar… Assim como não fui o dono perfeito, nem achei que seria algum dia, mas eu acredito, que só eu saiba como eu te amava tanto.

Acredito que, ter divido tudo o que eu pude com você, foi a melhor coisa que eu pude fazer para mostrar como sempre me foi e será importante.

Claro, na minha convicção né. Inclusive sei que você se foi, e espero que faça um bom descanso antes de continuar a sua jornada pela longa estrada da existência…

Gostaria de deixar marcado, para mim, para você e para todos, pelo tempo que puder, o quanto eu o amo e sinto a sua falta, de forma que, não importa o tempo que se passe… E ja faz… 2 anos +-… e nenhum outro animal ou ser vivo me despertou o que voce fez.

Sempre será unico para mim.

Com Agradecimentos deste Humano-Lobo que sempre lhe ira lembrar.

Felipe

Pessoas

Pensa num animal dificil…. é esse.

Hoje em dia, não sabe o que quer, não sabe o que faz, nem o porque de estar fazendo. Simplesmente esta “seguindo a boiada”.

Esse simplesmente é um assunto que me atormenta muito a cabeça, que eu estou dando espaço aqui para aliviar a minha.

De maneira geral, seja você, seja hoje, seja amanhã, seja o que foi ontem, apenas aceite a si mesmo, e respeite os outros.

Para mim,  depois de tantos anos que eu estudei algumas coisas, nunca todas, eu escolhi  ser um Lobo ponderado.

Filho de pessoas de religião cristã, com orientação homossexual, simplesmente aprendi rápido que respeito, não é dado como deveria, e sim, conquistado através de muita luta, interna e externa, o que é algo triste…

Eu sei as marcas e lembranças que eu carrego, por tudo o que eu passei e chorei, porém, cada ser humano tem a sua história, e as próprias escolhas.

 

Não culpo nada nem ninguém pelas escolhas que eu fiz a partir do momento em que eu era capaz de toma-las e aguentar as dores de todas elas.

Inclusive, me condeno até hoje por não ser o tipo de ser humano, que levava o próprio cachorro para passear todo fim de semana, ou que passava horas e mais horas brincando com ele; sempre fui um dono um pouco ausente para isso, mas sempre cumprimentava e beijava e demonstrava muito carinho e amor.

Aquela frase clichê que a gente fala para tentar,  contrabalancear tudo o que fizemos e deixamos de fazer por algum ser vivo que a gente ame, seja pessoa ou animal.

Também decidi ser uma pessoa ponderada no campo da religião.

Não me importa qual seja a sua, me importa apenas o seu respeito pelos outros, em todos os campos aplicáveis.

Eu, como um Lobo, adepto do Paganismo e do Budismo, foco no ADEPTO, estudei muito sobre a historia de várias religiões, e no meu entendimento, não cabe a mim julgar, recriminar, falar mal de uma ou outra, nem do proprio Cristianismo que praticou o genocidio de milhões de pessoas que pensavam diferente dele.

Simplesmente levo em mente que, para tudo se tem um preço, e por mais que as famílias não vejam isso de forma clara, todos pagam pelas atitudes de tirar a vida de outros cedo ou tarde, por tanto, não guardo rancor, apenas conhecimento de que, tudo tem consequências e ninguém escapa disso.

Também não sou deixado levar pela opinião dos outros.

A existência do livre arbítrio na vida sempre foi, e sempre será questionada por todos que se sentem lesados pelo modelo atual de vida, e por isso, para mim, não cabe uma discussão sobre o assunto, se não for para apresentar uma solução aplicável a ele.

 

A Vida dos Humanos irá seguir em frente conforme a ordem daqueles que tem, atualmente, dinheiro, e eu não tenho vontade nenhuma de perder o meu tempo para pensar em algo contra isso, minha convicção de vida não é essa, se for a sua, boa sorte, espero que chegue longe na sua vida e nos seus propósitos.

Não tomo decisões alinhadas a lados, não sou do tipo que escolhe “A”, para não escolher “B”, assim como, dito sou, Humano ainda, faço uso e não escolher nada que não me agrade.

Neutralidade na vida existe, se uma pessoa não tem, não posso fazer nada sobre isso.

Assim como não adianta levantar e apontar, dizendo que todos que não concordam com uma opinião “x” estão  automaticamente concordando com outra.

Isso não existe na realidade prática.

O que existe é você e o seu pensamento, e este, julga os outros de acordo com os próprios requisitos da sua mente.

Logo, a sua mente humana cria um mundo para que você sobreviva, e esse mundo, é diferente da realidade, logo, você vai brigar para que ele seja igual ao seu. E essa luta será sua, caberá a você fazer com que outros acreditem naquilo que você pensa.

Um mundo é perigoso, seja ele dentro ou fora da sua cabeça.

A Natureza

Seja qual for, é linda.

Pode ser a do nosso planeta, a do nosso universo, a única coisa que ela faz é evoluir.

Sempre seguir em frente para preservar o equilíbrio de tudo e da vida.

 

A Natureza sentimental do ser humano também é linda e incrível.

Para mim, os sentimentos são incríveis, não só o das pessoas, mas os dos animais também das plantas.

O Sentimento que chega com aquilo que não podemos ver, apenas sentir.

 

Tudo é incrível, e me desperta a vontade de seguir em frente, ir e seguir mais e mais caminhando por onde eu acho, e sinto que devo, para perto ou longe de tudo, o que eu mais amo e queria botar para fora.

 

Os meus sentimentos pelas pessoas e animais e seres que eu tanto amo, de modo a não precisar  escolher nada, nem métodos, nem pessoas, apenas poder botar pra fora todos eles.

Toda essa energia, que eu desejo do fundo do coração que chegue a todos e que, tudo possa seguir o seu caminho da melhor forma possível.

Você pode parar de ler por aqui, se chegou até aqui.

Alguns sentimentos pessoais.

Além de saudade do meu amado companheiro que me deixou, sinto falta também de algumas pessoas que marcaram a minha vida de alguma forma.

 

Na Saraiva, enquanto trabalhei lá, conheci pessoas e mais pessoas, uma mais interessante e legal do que a outra, e sendo bem sincero, sinto muito a falta deles, Glauber, Priscila, Fabio, Bismark… Com certeza são os nomes que mais me marcaram dentro de um local de trabalho como aquele.

Os momentos e sentimentos e histórias e inspirações que foram gerados através de cada um, só pela própria companhia, me é algo inacreditável até para mim.

 

“Pessoas são estranhas” e eu amo muito isso.

Na sorveteria da Ben and Jerrys, sinto uma falta enorme da Saori, da Dani, da Cori,  do Omar, Lucas, Amanda… Sinto uma falta imensa da alegria que todos me traziam…

 

Quando Trabalhei no Banco do Brasil como terceirizado, eu tinha, e até hoje tenho, esse sentimento de carinho e saudade tão forte ao lembrar da minha “mamis” no trabalho, assim como da incomparável Valzinha…

 

Também foi lá onde eu senti o sentimento muito forte por um cara que eu, covardemente, menti por medo, de tudo a volta, dar errado por conta disso, não só para mim, mas para ele também.

 

Próximos a minha casa, sinto falta da Evely, mesmo sendo uma amiga tão próxima, eu gostaria de poder resgatar um sentimento de simplicidade que sinto falta, e que, com o passar dos anos, tem sido bem difícil de acontecer.

 

E a Internet… essa ferramenta que tem tanto potencial, para todos os lados… 

Eu a considero uma bola de ferra cheia de espinhos, se você a tocar, não terá como sair ileso, não importa a sua idade, crença, local, nada…

 

Mas conheci muitas pessoas, algumas como o Pulguento, o meu Filhote, o meu amado amigo Demônio Cão Rosa, e mais recentemente, o Canguru, este que hoje é tão especial e amado por mim quanto os mais antigos de minha vida.

 

[Edição 1 – 18/07/2020]

Verdade que, no dia do texto, de expor tudo o que eu sinto e penso, eu não coloquei outras pessoas.

Pessoas e animais que eu convivo e converso muito e com muita frequência, desde mais de 15 anos atrás, até as mais recentes, e após uma dormida de cabeça mais vazia, sou capaz de entender que também me ajudaram muito, principalmente me ouvindo sempre.

 

Entre muitos destes animais, eu reparei que existem muitas raposas e, eu não só gosto muito de todos, como também, admiro muito algumas, principalmente, pelo jeito que algumas pensam e agem, e isso sempre me foi uma inspiração, e assim,  sempre será pois essa é a visão que eu tenho destas pessoas.

 

E conforme eu fui conhecendo e convivendo com elas, e outros animais, como Leões, outros Lobos,  cães de varias cores e tipos, Dragões, Coelhos Azuis, um Bode além de muitos outros que eu conheço e convivo e converso diariamente  e tem também os puramente humanos sem nenhuma ligação com este nosso mundo muito doido, eu percebi que a vida é assim:

As pessoas se afastam, cada uma por seu motivo, e nós, no encontro do respeito, se não podemos evitar, que sempre respeitemos as decisões dos outros de fazer tal escolha.

 

Assim como nós, devemos escolher nos afastar, seja pela integridade ou pelo respeito a nós mesmos e aos nossos sentimentos.

[Fim da Edição 1]

 

Não tenho condições para explicar algo, que eu mesmo mal entendo, mas eu decidi, de livre e espontânea vontade e acolhido pelos meus sentimentos, de que faria o que eu pudesse para faze-los feliz e os proteger. Não apenas este grupo mas todos que me tocaram a vida.

Todos que são citados em minhas historias e fizeram parte dos momentos de minha vida.

A minha família, é algo que eu estou aprendendo ainda a adequar o sentimento do presente com o do passado, mas não deixo de amar nenhum, apenas dou mais valor a quem realmente me da hoje.

Não posso me apegar ao passado da maneira que eu gostaria, pois para mim, não foi feliz como eu gostaria, mas como todo e qualquer animal nessa vida, estou aprendendo, sempre.

Eu mudei... mudei muito, e eu tenho plena ciência disso... Não pretendo parar de mudar, não pretendo parar de aprender, não pretendo parar de me adaptar e evoluir. Não pretendo ser menos, para chegar onde quero.

Me desculpe, se eu o decepciona-lo, caso acontecer, não sou e nem nunca serei perfeito, e nem quero.

Adendo de Lugares - 18/07/2020

Depois da noite de sono e, expurgação de pensamentos, ideias e opiniões, eu pude perceber que, também nunca irei me esquecer de alguns lugares que eu fui na minha vida.

Esteja eu sozinho no dia ou não.

[1]

Um dia que eu aprendi muito, o dia que eu fui ao cinema sozinho ver o filme “Clique”.

Chorei muito pelo filme, foi muito importante para mim esse dia; entender que a gente vai estar sozinho na vida cedo ou tarde, por escolha ou consequência.

[2]

O Dia em que eu fui ao meu parque favorito, sozinho.

Por que sim, as pessoas tem planos e prioridades na vida, e assim como elas, nós todos devemos ter.

E nesse dia, eu pude presenciar uma linda florada de uma enorme e lindo ipê Rosa no parque.

Me senti grato e acolhido por aquilo que eu amo e respeito.

[3]

Cidade de Mogi das Cruzes era frequentada por mim com muita frequencia, enquanto o meu Filhote morava la.

E se tem algo que eu percebi foi que, as pessoas e os lugares são muito diferentes em todos os sentidos.

A cidade me traz uma sensação maravilhosa até hoje, não só pelos dias de felicidade, mas também pelos de tristeza, e mesmo assim, tudo lá que eu vi, vivi e ainda vivo me faz sentir em paz.

[4]

O Jardim da casa dos avós da minha amiga Evely, foi palco de poucos porem, muito importantes momentos da minha vida, sempre será lembrado e recordado e muito provavelmente, homenageado um dia.

[5]

O Estado do Rio de Janeiro e Espirito Santo são, dois lugares hoje que detém muito o meu respeito e carinho.

Pessoas que fizeram parte da minha vida moram ou moraram lá.

Pessoas que mostraram lugares para se ter paz, vivem lá.

Cada lugar tem pessoas maravilhosas, que tenho vontade de viver em todas elas.

Vila velha tem muitos sentimentos meus assim como Cantagalo e a própria cidade do Rj.

[6]

No cinema, que era para ser em familia, e acabei vendo um filme sozinho:

Percebi que, não importa o quanto eu esteja sozinho, o meu sentimento não vai mudar pela minha família.

Porém, ao crescer, esse sentimento ficou em pé de igualdade ao respeito mútuo que deve haver entre todos. 

[7]

O sistema ferroviário de SP foi testemunha recorrente de vários momentos da minha vida, os de alegria e os de tristeza.

E o Sistema de Onibus me trouxe pessoas… Pessoas que eu nunca achei que iria rever, pessoas que eu sempre quis ver (posso ter enganado mas aquele parecia ser o Lobo que eu nunca vi pessoalmente), lugares onde pessoas decidem viver.

O Transporte publico me trás tanta coisa que eu não sei nem dizer…

Sempre bom recordar e viver... e saber que o tempo sempre anda... E me encho de sentimentos ao desejar sempre andar com ele, seja pra onde for.

Tags:, , , , , , , , , , , , , ,

Nenhum comentário

    Deixe uma resposta